“Noite das Ideias” reúne artistas e pesquisadores para bate-papo sobre a relação humanos-plantas
24/01/2022 - 10:41

Pela primeira vez, Curitiba participa da “Noite das Ideias”, realizada anualmente pela Embaixada da França, sempre na última quinta-feira de janeiro, que este ano cai no dia 27. O evento internacional reúne instituições culturais e educacionais do mundo inteiro para celebrar a livre circulação de ideias e troca de conhecimento. Em 2022, o tema é “Re-construir Juntos” e quem sedia o encontro na cidade é o Museu Paranaense (MUPA), em parceria com a Aliança Francesa de Curitiba.

O evento começa a partir das 15h com a pintura-performance do coletivo Mahku, grupo indígena do povo Huni Kuin do Acre. A partir de cantos xamânicos, o coletivo cria telas de grande formato, que representam mitos e visões de seu povo. A criação desse painel segue até sábado (29), e conta ainda com uma oficina voltada ao público infantil. Já o espaço expositivo do MUPA recebe um conjunto de obras dos artistas Santídio Pereira e Alex Červený. Santídio é um jovem artista piauiense com trabalhos principalmente em xilogravuras e pinturas, com bromélias, pássaros e, mais recentemente, explorando as cores, sensações e formas das serras paulistas. Červený tem uma trajetória marcada pelo surrealismo, pela criação de paisagens fantásticas povoadas por personagens bíblicos, mitológicos e humanos que muitas vezes refletem o próprio artista. Para esta mostra, ele traz obras inéditas que têm como elemento principal árvores como cajueiro, araucária e pau-brasil.

A abertura da exposição acontece às 19h com uma mesa-redonda que dialoga sobre investigações científicas e artísticas recentes que têm lançado luz sobre inteligências vegetais e as mais complexas formas de relações entre pessoas e plantas. Além dos dois artistas, participará como mediadora a antropóloga Karen Shiratori e, por meio de um depoimento vídeo, a curadora da Fondation Cartier Pour L'art Contemporain, Marie Perennes. Os dois artistas integraram a exposição Nous les Arbres, realizada em 2020 e 2021, pela instituição francesa em Paris e Shanghai. Shiratori é especialista em etnologia indígena com foco nos estudos de xamanismo, conhecimentos e práticas tradicionais relativas à agrobiodiversidade.

A entrada é gratuita, mas as vagas são limitadas. A distribuição dos ingressos será realizada 30 minutos antes da mesa-redonda, por ordem de chegada, até completar a capacidade do local. 

Se Enfiasse os Pés na Terra - O evento também inaugura o Programa Público “Se enfiasse os pés na terra: relações entre humanos e plantas”, um projeto experimental do Museu Paranaense. Entre janeiro e maio de 2022, o programa traz uma série de ações artísticas, educativas e culturais nas quais o público é convidado a aproximar-se das múltiplas formas de vínculos entre seres humanos e seres vegetais. 

Fazem parte desse projeto artistas, coletivos indígenas, mestres e detentores de saberes e fazeres de populações tradicionais (quilombolas, faxinalenses e caiçaras), cozinheiros e produtores locais ligados à agroecologia, escritores, arquitetos e pesquisadores das áreas da botânica, antropologia, arqueologia e história.

A realização do programa busca reafirmar a importância da cultura imaterial, dos saberes ancestrais de pessoas enraizadas em seus territórios, bem como da potência do museu enquanto espaço de relações.

Além de mesas-redondas, palestras e conversas, estão programadas atividades e vivências educativas, explorando as relações particulares entre sujeitos humanos e vegetais. As atividades vão desde a observação de abelhas nativas no Jardim do MUPA, até a produção de ilustrações e bordados, explorando afinidades através de memórias sensoriais, sociais e afetivas trazidas pelos participantes. Haverá programação para todos os públicos, com oficinas voltadas a crianças e idosos.

Todos os eventos, ações e oficinas são gratuitos, mas possuem vagas limitadas e, em alguns casos, a participação depende de inscrição. Acompanhe a programação completa em: www.museuparanaense.pr.gov.br/Programa-Publico#janedu

SERVIÇO- Noite das Ideias no Museu Paranaense
Quinta-feira, 27 de janeiro
15h - Coletivo Indígena MAHKU: pintura de grandes dimensões no Jardim do MUPA
19h - Mesa-redonda e abertura de exposição com os artistas Santídio Pereira e Alex Červený, a antropóloga Karen Shiratori e a curadora da Fondation Cartier Pour L'artCcontemporain, Marie Perennes. Vagas limitadas por ordem de chegada. 

Local: Museu Paranaense (MUPA)
Rua Kellers, 285, bairro São Francisco - Curitiba. 
Entrada gratuita. 

“SE ENFIASSE OS PÉS NA TERRA”
Programa público de  Janeiro a Maio de  2022
Acesse a programação completa no site: 
www.museuparanaense.pr.gov.br/Programa-Publico#janedu


 

GALERIA DE IMAGENS