Profissionais da área cultural terão acesso a cursos de extensão e pós-graduação
04/10/2019 - 11:04

Os profissionais que trabalham na área cultural do Paraná terão acesso a cursos de extensão e pós-graduação gratuitos a partir do ano que vem. O secretário de Estado da Comunicação Social e da Cultura, Hudson José, assinou nesta quinta-feira (03), em Londrina (Norte), o termo de parceria com a Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), que ofertará os cursos na modalidade de Educação a Distância (EAD) para gestores, produtores e conselheiros de cultura.

O anúncio foi feito no histórico Cine Teatro Ouro Verde, durante a abertura do 17º Festival de Dança de Londrina. No evento, também foi lançado oficialmente o terceiro edital do Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura (Profice), que vai destinar R$ 33 milhões, em renúncia fiscal, para dez áreas artístico-culturais.

De acordo com o secretário, a qualificação dos profissionais da área atende aos pedidos feitos nas audiências regionais de Cultura, promovidas pelo Governo do Estado neste ano, com a participação de 1.319 pessoas, de 145 municípios.

“Uma das questões abordadas nesse processo foi a dificuldade de qualificação dos agentes que atuam na área cultural. A secretaria acatou esse pedido, a UEPG respondeu ao nosso chamado e formatou esses cursos”, explicou Hudson José.

“As capacitações vão atender as demandas que muitos grupos culturais têm, como a dificuldade de finalizar e apresentar projetos para captação de recursos, tanto para o Profice como para outras leis de incentivo”, salientou o secretário.

CURSOS - Neste primeiro momento, serão ofertados três cursos: a pós-graduação em Gestão de Políticas Públicas de Cultura, com mil vagas e 360 horas; os cursos de extensão para Produtor Cultural, com mil vagas e 40 horas de formação; e para Conselheiros de Cultura, com a disponibilidade de 750 vagas.

Por se tratar da modalidade EAD, profissionais de todo o Paraná poderão participar das formações. A secretaria, porém, estuda firmar parcerias com as outras universidades estaduais para dar mais capilaridade às capacitações.

A assessora da Secretaria da Comunicação Social e da Cultura Elietti de Souza explicou que as formações foram pensadas tendo em vista as diferentes etapas do processo cultural. “Não basta ter apenas o recurso, é preciso que as pessoas tenham capacidade de fazer a produção cultural, saibam fazer a gestão das políticas públicas da área”, disse.

Ela acrescentou que toda a gestão de política pública passa pelo controle social, feito pelos conselhos municipais e estadual de Cultura. “Para que o conselheiro esteja apto para a função, também foi solicitada a capacitação na área, para melhorar a capacidade de discussão das políticas culturais”, completou Elietti.

PERGAMUM - Na solenidade também foi assinado o termo de cooperação técnica entre a Secretaria da Comunicação Social e da Cultura e a Prefeitura de Cambé. O objetivo é a implantação do sistema Pergamum Museus, destinado ao gerencimento museologico da instituição, incluindo a digitalização e o cadastramento de todas as obras e peças do acervo do Museu Histórico do município.

FESTIVAL DE DANÇA — A programação do Festival de Dança de Londrina segue até 13 de outubro e conta com 15 espetáculos nacionais e internacionais, além de oficinas e outras atividades paralelas.

O evento tem apoio do Profice e é patrocinado pela Copel. A abertura nesta quinta-feira foi com o espetáculo A Sagração da Primavera, do Balé do Teatro Guaíra.

PRESENÇAS — Participaram da solenidade o diretor-geral do Núcleo de Tecnologia e Educação Aberta e a Distância da UEPG, Carlos Willians Jaques Morais; a diretora-presidente do Teatro Guaíra, Mônica Rischbieter; o diretor artístico do Teatro Guaíra, Cleverson Cavalheito; o secretário municipal de Cultura de Londrina, Caio Cesaro; a coordenadora-geral do Festival de Dança, Daniele Pereira; e a diretora-presidente da PalcoParaná, Nicole Barão.

GALERIA DE IMAGENS